quinta-feira, 26 de novembro de 2009

mas ela gostava de ter...

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Fonte da vida

Deram-me um presente inesperado, partilho-o. Acabou de me ser enviado por uma feiticeira grega que aprendi a admirar (Zoi - fonte da vida em grego ). Conhece-me bem e a sua mente de feiticeira lê o mundo de uma forma superior.
Vive hoje numa ilha do mar Egeu, honrou-me com o seu amor há mais de 12 anos durante a sua segunda larga permanência em Lisboa.

Diz que esta canção fala de mim.

"Zoi disse (20:02)
fala de pessoas como tu
Zoi disse (20:04)
solitarias, pessoas que notam a vita e os outros mas que sao intensivamente so"

Ecce homo

Merci

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Desculpem lá, estava a brincar!

Abraão levou o filho para o deserto.... Amarrou-o a uma árvore e acendeu uma fogueira debaixo dos seus pés.
De repente, uma voz diz:
- Abraão, Abraão, que é isso ?
- Senhor, Senhor eu estou sacrificando o meu filho, conforme a Vossa ordem !
- Não, Abraão, estava a brincar, eu só queria medir a tua fé !
- Mas Senhor....!
- Abraão, já te disse, agora é a sério, solta o menino !
- Mas Senhor como sei que agora não estais novamente a brincar?
- Mau, queres levar com o cinto Abraão? 
- Não Senhor, agora como a tua ordem me convém, sei que estais a sério!
E soltou o filho. O menino saiu disparado...correu, correu, correu, e Abraão gritava:
- Filho volte, filho volte, o Senhor libertou-te, estava a brincar!
O menino parou, longe, e gritou:
- Libertou o caralho velho fanático, se eu não fosse ventríloquo estava Fodido!

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

Onde pendurar a porra do balde

Sempre tive uma atracção irresistível pela vizinha do apartamento ao lado. Vivia obcecado com a ideia fixa de possui-la,... de comê-la,...de traçá-la todinha!
Um dia, ao conversar com o marido dela ouvi este comentário: Preciso mandar pintar o meu apartamento, mas trabalho o dia inteiro e chego cansado. Tentei contratar um pintor profissional mas o tipo pediu-me os "olhos da cara!..."
Nesse momento o meu rosto iluminou-se pois a ideia que eu tive foi simplesmente brilhante!
- Não seja por isso vizinho! Estou de férias e pintar paredes é o meu hobby favorito! Posso fazer esse serviço prá você, com o maior prazer. O maridão aceitou a oferta e ficou feliz da vida.
Não é para me gabar mas, como sou "bom de papo", mal comecei a pintar o apartamento consegui levar aquele mulherão,... aquele aviãozão,... aquele monumento prá cama! Só que, azar dos azares,...estávamos nos preliminares e eu não esperava que o marido se tivesse esquecido dos documentos em casa e que por isso mesmo, tivesse que voltar justamente naquele momento!
A mulher, ouvindo o marido abrir a porta da sala, correu para a casa de banho e o gajo entra no quarto e encontra-me "peladão", no cimo do escadote dando umas pinceladas na parede.
Aos berros, ele perguntou:
- Que merda é esta pá?...
Começaste pelo quarto e,... todo nu?
- Ora,... estou pintando de graça, começo por onde quiser!
- Mas todo nu?...
- Queria que eu manchasse a minha roupinha nova com tinta?
- E de pau feito, cabrão?
- E onde é que eu vou pendurar a "porra" do balde?

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

quando a comida brinca com as crianças

o filho da puta do macaco é chato!

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

O que umas fazem por (pouco) dinheiro outras não fazem por amor! III







"Worship of God, began with reverance for every man's semen, also each women's vagina and her sexual fluid..."

sémen e a prevenção do cancro, ver este trabalho e/ou este.
sémen como anti-depressivo ver este trabalho.

 
P.S.:
o facto de já ir no terceiro post sobre este assunto envergonha-me. este assunto é de uma tristeza extrema. é nestes momento que lamento profundamente ser cristão.
espero ficar por aqui. há muitos anos que fiz o meu trabalho de casa (post Ipost II), é a vez de outros fazerem o seu.

terça-feira, 10 de novembro de 2009

O que umas fazem por (pouco) dinheiro outras não fazem por amor! II

Encontrei a frase do Ubaldo Ribeiro que inspirou a confissão "O que umas fazem por (pouco) dinheiro outras não fazem por amor", partilho-a:

"E nenhuma mulher sadia tem nojo do esperma, outra coisa que precisa ser bem esclarecida. Eu li não sei onde que alguns muçulmanos consideram ofensa suprema a mulher cuspir fora o esperma derramado em sua boca por seu homem. Eu concordo, é uma selvajaria, um sinal de baixa extracção, falta de formação, de classe, de cultura, de sofisticação. Cuspir o esperma só é admissível ou quando se quiser insultar um homem ou quando se quiser pô-lo em seu lugar: você pode ser bom para eu me distrair chupando seu pau, mas não é bom suficiente para eu engolir sua seiva, me recuso a devorá-lo, não dou às suas células essa intimidade com as minhas."


Pensem no que têm andado a fazer nas vossas vidas íntimas com os homens que amam.

Que raio de intimidade têm com eles se por 5 euros a mais, qualquer puta traga o sémem que vocês rejeitam?

pacto erótico

Michel Onfray em "A potência de existir" propõe a figura do pacto erótico, agora leio "Le souci des plaisirs" (gentil oferta catalã), recordo o conceito:

Pacto erótico é "essa configuração ética e estética (…) pressupõe contratantes à altura. A saber: contratantes esclarecidos quanto ao seu desejo, nem inconstantes nem vacilantes, nem hesitantes nem atormentados pela contradição que tenham resolvido os seus problemas e não carreguem com a sua incoerência, inconsequência e irracionalidade."

"Cada qual dá aquilo que pode: doçura, beleza, inteligência, disponibilidade, ternura, dedicação, paciência, cumplicidade, erotismo, sexualidade; um misto, uma série de configurações improváveis, todas elas figuras de estilo nominalista."

segunda-feira, 9 de novembro de 2009

ateísmo cristão


a moral de raiz cristã impregna os entrefolhos mentais dos nossos irmãos. é desesperante ver como o actual ateísmo(*) esconde e depende dos valores da bíblia.

são libertinos e libertinas, aparentemente decidiram tentar viver mais em vez de tentar viver melhor mas todos se amesendam, glutões, à volta da moral  sem perceberem que viver mais não tem justificação moral, justifica-se pela  tragédia da condição humana:

"quase certamente" ser humano é SER entre dois ENORMÍSSIMOS nadas!

a consciência trágica devia dispensar-nos do respeito de TODA a moral e certamente que nos dispensa de seguir este derivado cristão fundado numa vida depois da vida...

nada disso, hei-los ora libertinos ora culpados. ambivalentes, sempre ambivalentes, como se temessem os excessos e a punição de Deus (inferno, reencarnação, karma, dioxinas, ...). serdes seres para a morte não vos devia bastar?

P.S.: para perceber o que significa, realmente, "quase certamente", ver http://en.wikipedia.org/wiki/Almost_surely

domingo, 1 de novembro de 2009

multifuncionais

não é grande elogio dizer que as mulheres são mais inteligentes do que os homens (as diferenças inter-individuais são enormes e as diferenças entre os géneros são pequenas).
mas se há algo que sempre invejei nas mulheres foi essa capacidade de fazer várias tarefas ao mesmo tempo e fazê-las bem (às vezes tento fazer duas tarefas ao mesmo tempo mas se não for capaz de priorizar uma delas é certo e sabido que faço merda em ambas).

vejam a eficiência deste menina, a perfeição que põe nas duas coisas que está a fazer:
conduzir o carro e...


in the car powered by YouPorn.



Saudações masculinas.